POLÍCIA

Policial Rodoviário Federal é morto em lanchonete. Vídeo choca pela frieza do assassino.
Eduardo Souza ingressou na PRF em 2016, atuou na Delegacia de Ariquemes (RO) e em diversas áreas estratégicas na sede da Superintendência em Rondônia. Há poucos dias, foi removido para atuar na sede da corporação em Pernambuco.




Eduardo Souza (PRF)

Um policial rodoviário federal, identificado como Eduardo Souza de Lima Júnior, de 37 anos, foi morto enquanto estava com um grupo de amigos, na madrugada deste domingo (10/1), em uma lanchonete no Alto do Mandu, na Zona Norte do Recife (PE). Ele deixa esposa e uma filha.

Imagens mostram o momento em que um homem, com o rosto coberto por um capacete, chega atirando contra o policial. Em seguida o suspeito foge na garupa de uma moto.

Eduardo Souza ingressou na PRF em 2016, atuou na Delegacia de Ariquemes (RO) e em diversas áreas estratégicas na sede da Superintendência em Rondônia. Há poucos dias, foi removido para atuar na sede da corporação em Pernambuco.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a morte do agente foi resultado da violência urbana. A corporação ainda informou que “não ficará inerte e envidará esforços para capturar e encaminhar os responsáveis por este ato covarde à Justiça”.

A PRF lamentou, em nota, o falecimento do policial: “Manifestamos nossa solidariedade e irrestrito apoio à família enlutada e nosso sincero desejo de que Deus conforte seus familiares e amigos neste momento de dor”.

Já a Polícia Civil informou que instaurou inquérito para apurar a autoria e a motivação do homicídio. “Uma equipe da Força Tarefa, compareceu até o local e deu início às investigações. Uma equipe do Instituto de Criminalística também compareceu até o local. O caso está sendo investigado pelo DHPP”, afirmou a corporação.

...Via Vilhena Notícias.

 



Confira o vídeo:




Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo e canal do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍCIA  |   26/02/2021 15h50





POLÍCIA  |   25/02/2021 22h00


POLÍCIA  |   24/02/2021 16h34